E o sonho teve início!!! No último dia 20 de Abril, Aniversário de Caraguatatuba, o Prefeito Aguilar Júnior deu o início de um antigo sonho de Campanha; O Enrocamento do Rio Juqueriquerê, localizado na Zona Sul da cidade, que foi conquistado graças ao seu trabalho dedicado e o empenho de Carlos Lothar pela Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Segundo os Dicionários especializados em Obras e Construção Civil, Enrocamento é o conjunto de blocos de pedra ou de outro material, como por exemplo cimento, lançados uns sobre os outros dentro da água para servir como lastro para fundação de obra hidráulica ou, quando aflorado à superfície ou muito extenso, como quebra-mar ou proteção contra a erosão das ondas, ou, explicado em miúdos é um maciço composto por blocos de rocha compactados, muito utilizado na construção de barragens de gravidade de face ou de núcleo impermeável e na proteção da face.

O objetivo do Enrocamento é o de trabalhar como amortecedor através de estruturas de pedra, protegendo taludes e canais contra efeitos erosivos ou solapamentos, causados pelos fluxos d’água.

O Juqueriquerê é um dos principais Rios de Caraguatatuba, formando com o Santo Antonio uma rede fluvial que pode ser amplamente usada para o Transporte local e o Turismo, pois ambos tem em média mais de oito quilômetros de extensão, cortando pelo menos seis bairros da cidade, garantindo uma boa opção para os moradores locais como uma alternativa para o transporte circular, bem como para os Turistas que desejam uma opção de lazer.

O Rio Juqueriquerê sofre com o fluxo das marés, causando solapamento e redução de sua profundidade, gerando problemas para a entrada e saída do seu leito, bem como para o tráfego de lanchas estacionadas nas Marinas que ficam as suas margens, no bairro do Porto Novo, na Zona Sul da cidade. Estas dificuldades geram prejuízos tanto para a Prestação de Serviço como para o tráfego dos Pescadores Artesanais da região.

Para o Enrocamento do Juqueriquerê foi necessário que o Governo Municipal de Aguilar Júnior empreendesse esforços junto à Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente e através de Carlos Lothar, Assessor Especial da pasta, foram conquistadas todas as permissões, autorizações e licenças para isso e com o lançamento da Pedra Fundamental em 20 de Abril, no dia do Aniversário de 165 Anos de Emancipação Político-Administrativo do município a obra terá início.

O Juqueriquerê tem 13 Quilômetros de extensão, suas águas desembocam na Praia das Flexeiras e a obra consiste em dois muros de pedra, chamados de Molhes, um com 1.204 metros e o outro com 1.366 metros de comprimento e 1,5 metros de comprimento, distantes um do outro em 180 metros ao custo de R$ 41 Milhões e prazo de entrega para Julho de 2024.

O Prefeito Aguilar Júnior se manifestou na ocasião, ressaltando que esta é uma das mais complexas obras na cidade, onde a alta tecnologia e estudos aprofundados são o maior investimento que somado ao empenho de Carlos Lothar, que esteve presente e ouviu em pessoa o elogio e agradecimento, que irá beneficiar a cidade e a geração de empregos.

Ainda no dia 20, no final da tarde, Carlos Lothar esteve no Teatro Mário Covas para participar da entrega de Títulos de Regularização Fundiária para contribuintes que vivem em áreas congeladas há mais de 10 anos.

2 Comments

    • Olá, boa Quarta e um bom meio de semana para você e família. Agradecemos o fato de acompanhar e opinar sobre os textos do Contra & Verso, pois isto é muito importante para nós. Continue acompanhando e opinando sobre o nosso conteúdo. Muito Obrigado!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *